5 Títulos literários para quem tem pressa

Nem todo mundo consegue sentar para ler um livro de mais de 100 páginas. Seja pela falta de concentração, tempo ou qualquer outra coisa, isso é um fato. O que não quer dizer que você não pode gostar e/ou aproveitar a literatura detetivesca! Pelo contrário, uma das grandes vantagens do gênero “policial” é a quantidade de contos que existem nele. Então, reunimos 5 títulos para quem tem pressa (como você), mas quer mergulhar em mistérios cabeludos.


1. Assassinatos na Rua Morgue (1841), de Edgar Allan Poe

Assassinatos na Rua Morgue é um conto que foi publicado pela primeira vez na Graham's Magazine, em abril de 1841. Ele conta a história de dois assassinatos brutais de mulheres na Rua Morgue, em Paris, casos que parecem insolúveis até que o detetive C. Augustine Dupin aparece... Quer saber o que acontece? Leia a história para saber o seu desenrolar surpreendente!


2. O Carbúnculo Azul (1892), de Sir Arthur Conan Doyle

Protagonizado por Sherlock Holmes e Dr. John Watson, O Carbúnculo Azul apareceu, pela primeira vez, na Strand Magazine, em janeiro de 1892. Nesse conto, Watson encontra Holmes tentando descobrir quem é o dono de um chapéu que um dos comissários da polícia encontrou e, ainda mais surpreendente, como a valiosíssima jóia chamada de Carbúnculo Azul foi parar dentro do ganso que esse mesmo comissário assaria!


3. O Fantasma de Canterville (1887), de Oscar Wilde

Em 1565, Sir Simon de Canterville matou sua esposa. Quando ele morreu, começou a assombrar e assustar todos que se mudavam para sua antiga residência. E tudo corria muito bem até que uma família de americanos resolveu morar na Inglaterra! Wilde conta essa história, parte terror, parte comédia, parte mistérios de maneira comovente.


4. As Formigas (1977), de Lygia Fagundes Telles

Duas jovens estudantes universitárias, uma de direito e a outra de medicina, se mudam para uma pensão meio decadente. Conforme ficam mais confortáveis no quarto, percebem que o antigo inquilino esqueceu uma caixa e, curiosas, resolvem abri-la. Qual sua surpresa ao encontrarem um monte de ossos! Se você acha que a estranheza da noite para por aí, está redondamente enganado/a. Na realidade, o mistério só começou.


5. Os Quatro Suspeitos (1986), de Agatha Christie

Dr. Rosen, um espião aposentado, é encontrado morto, com o pescoço quebrado, após uma queda. Os quatro criados de sua casa alegam nada terem ouvido, mas ninguém tem um álibi. Cabe a Miss Marple solucionar o caso, a partir de conhecimentos de sua própria infância e, é claro, de seu jardim.


Gostou das nossas sugestões? Caso queira conhecer mais livros de mistério, consulte as resenhas e listas disponíveis no nosso blog!